Família Sperafico busca na 30ª edição sua terceira vitória na Cascavel de Ouro

Em busca do bicampeonato, Natan confirma formação de dupla com seu primo Guilherme, pole position da edição de 2015
 Conquistar a terceira vitória da família em 30 edições da corrida de longa duração mais tradicional do automobilismo paranaense. É este o objetivo dos primos Guilherme e Natan Sperafico para a disputa da Cascavel de Ouro em 2016. Eles vão formar a dupla do Ford Ka número 27 da Sérgio Ferrari Racing Team na 30ª edição da corrida, que será disputada no dia 23 de outubro no Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel.
A família com maior número de pilotos de competição no mundo obteve a primeira vitória na Cascavel de Ouro em 1986, com Dilso Sperafico em um Hot-Fusca. A segunda veio em 2015, com Ricardo, filho de Dilso, em dupla com Natan em um Ford Ka. Nos dois casos, a preparação dos carros foi tarefa da mesma equipe – Sérgio Ferrari comandou o trabalho há três décadas e seus filhos Eduardo e Thiago chefiaram o time no ano passado.
A presença dos Sperafico na edição de 2015 foi ainda mais marcante. A família teve dois dos 38 carros inscritos e dominou o grid de largada. A pole foi conquistada por Guilherme Sperafico, que formou com seu primo Rodrigo a dupla do Renault Clio número 21. Natan e Ricardo largaram em segundo lugar. Guilherme liderou 16 voltas e viu a chance de disputar a vitória se dissipar por problemas com o câmbio, que levaram a dupla ao abandono.
“A expectativa é boa. Vamos ver como vai ser comportar o carro novo”, expõe Natan. “O Eduardo Ferrari e a equipe toda estão trabalhando duro para nos dar um carro tão bom ou ainda melhor que no ano passado. É uma corrida muito difícil, com equipes muito fortes e sem favoritos. Vamos tentar uma boa classificação para tentar chegar ao fim da prova com chance de disputar mais uma cobrinha dourada, além da ótima premiação”, acrescenta.
A vitória pela qual Natan e Guilherme trabalham, se confirmada, terá garantido à família Sperafico 10% das vitórias em toda a história da prova. “Fiz a pole no ano passado, liderei uma parte da corrida, estava num ritmo bom, até a quinta marcha quebrar. Um pouco depois ficamos sem a quarta e saímos da corrida”, lembra Guilherme. “Participar de novo dessa festa me anima bastante. O foco, logicamente, está na conquista da vitória”, acrescenta.
Com quatro horas de duração, a 30ª Cascavel de Ouro terá transmissão ao vivo por televisão e internet e distribuirá R$ 33 mil em dinheiro nas faixas de premiação aos pilotos. Além disso, parceria firmada entre o Automóvel Clube de Cascavel e o Team Ginetta garantirá a um dos pilotos vencedores viagem de ida e volta à Flórida e participação sem custos na primeira corrida de 2017 do campeonato de endurance da liga FARA USA, na pista de Homestead.
 Grelak Comunicação - (45) 3037-6667 - Fotos: Fabrício Guarda/Grelak Comunicação

Legenda 1: O Ford Ka com que Natan e Guilherme buscam a terceira vitória da família Sperafico na Cascavel de Ouro
Legenda 2: Os primos Ricardo e Natan Sperafico no alto do pódio na Cascavel de Ouro de 2015
Legenda 3: Ricardo, Natan, Guilherme e Rodrigo foram os pilotos da família Sperafico na edição de 2015 da corrida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo