Lei Seca poupa 686 vidas no DF em oito anos de vigência

No mesmo período, Detran autuou 77.915 condutores que dirigiam após a ingestão de bebida alcoólica
A Lei Seca completa oito anos, neste domingo (19/06), com pelo menos 686 vidas poupadas aqui no Distrito Federal. Somente neste último ano – de junho de 2015 a junho de 2016 – a quantidade de mortes foi reduzida em 30%, com 348 vítimas fatais, se comparada às 500 mortes registradas no ano anterior à implantação da lei – junho de 2007 a junho de 2008.
Com o propósito de reduzir os acidentes provocados por motoristas embriagados, a chamada Lei Seca, promulgada em 19 de junho de 2008, instituiu maior rigor aos condutores que dirigem sob efeito de álcool. Embora tenha causado grande impacto, a Lei auxiliou comprovadamente na diminuição de acidentes causados por condutores embriagados, principalmente onde a fiscalização é mais eficiente.
Autuação de condutores
O Departamento de trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), por meio das operações de fiscalização para coibir motoristas alcoolizados nas vias,  autuou nesses oito anos da Lei Seca, 77.915 condutores que dirigiam após a ingestão de bebida alcoólica. Outros 11.087 foram presos em flagrante por apresentarem concentração igual ou superior a 0,3 miligrama de álcool por litro de ar alveolar.
A intensificação das operações de trânsito nos dias e nos horários com maior quantidade de ocorrências também contribuiu com a redução de acidentes. Nesse último ano, por exemplo, comparado ao ano anterior a Lei Seca, foi registrada uma queda de 46% em acidentes fatais nos fins de semana e de 34% nos horários mais críticos – das 18h às 23h59.

Conforme dados da Gerência de Estatística do Detran-DF, em 2015, das 354 vítimas mortas no trânsito, 124, ou seja, 35% haviam consumido bebida alcoólica ou drogas. Dessas, 99 apresentaram resultado positivo para dosagem de álcool no sangue,  entre as quais, 32 pedestres, 22 motociclistas, 13 passageiros, oito ciclistas e 24 demais passageiros.
Fiscalização de trânsito
Em 2016, o Detran-DF vem intensificando as ações educativas e de fiscalização no trânsito. Nos cinco primeiros meses deste ano foram realizadas 790 operações de fiscalização, 40% acima das 473 realizadas no mesmo período do ano passado.
Somente este ano, foram aplicadas 1.164.245 autuações. Destas, 5.690 se referem à aplicação do artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro, relativo à Lei Seca. Entre os condutores autuados, 3.604 são do sexo masculino, 524 feminino e 1.562 não foram identificados por não portar CNH ou ser de outro Estado.
Educação de trânsito
A partir desta sexta-feira (17), a Diretoria de Educação de Trânsito do Detran dará início ao cronograma de atividades para lembrar os oito anos da Lei Seca. As blitzes educativas serão iniciadas pelo Sudoeste e Cruzeiro. Até o fim deste mês, o Detran realizará diferentes ações em diversas cidades do DF, para chamar a atenção da população sobre os riscos de ingerir bebida alcoólica e circular pelas vias.
Para realizar essas atividades, o Departamento de Trânsito contará com a parceria da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do DF, para executar as ações educativas e de fiscalização de trânsito que serão intensificadas neste período.
Assessoria de Comunicação


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo