Rapper degolador do Estado Islâmico morre em bombardeio dos EUA na Síria


Alemão Deso Dogg era conhecido como o "Goebbels do Estado Islâmico"
O rapper alemão Deso Dogg, que integrava as fileiras do grupo extremista Estado Islâmico na Síria e que já havia ameaçado publicamente o presidente norte-americano, Barack Obama, foi morto em um ataque aéreo dos Estados Unidos, segundo informou o tabloide britânico Daily Mail
A porta-voz do Departamento de Defesa norte-americano, Elissa Smith, confirmou que o homem de 39 anos foi morto em um bombardeio perto da cidade síria de Raqqa no dia 16 de outubro O rapper de 39 anos nasceu nas proximidades de Berlim e é filho,
de uma alemã com um ganês, que o abandonou quando ainda era um bebê. Em seguida, sua mãe se casou com um militar americano, com quem Dogg se desentendia com  frequência
Em 2005 e 2006, Deso Dogg participou da turnê mundial do consagrado rapper americano DMX, Após se converter ao radicalismo islâmico, Dogg migrou para o Egito e mais tarde para a Síria, onde teria se juntado aos combatentes do Estado Islâmico Em fevereiro deste ano, o Departamento de Estado americano.
 nomeou Deso Dogg, que agora atenderia pelo nome árabe Abu Talha al-Almani, como“terrorista global” Em novembro do ano passado, portais americanos que o ex-rapper aparecia em um vídeo do Estado Islâmico com uma cabeça decepada nas
Mãos acredita-se que Dogg também tenha sido o responsável por produzir o vídeo em que o extremista britânico conhecido como Jihadi John aparece decapitando prisioneiros estrangeiros com uma faca
Por conta de suas habilidades na produção dos vídeos violentos do Estado Islâmico, Deso Dogg chegou a ser comparado ao alemão chefe de propaganda nazista, Josef Goebbels
Acredita-se que Dogg tenha feito um juramento de lealdade ao líder do Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, e trabalhava como recrutador de novos extremistas alemães
Em fevereiro, foi revelado que o rapper estava sendo espionado pela agência de inteligência norte-americana, o FBI, por meio de uma mulher síria que ele acreditava ser sua esposa
Em abril deste ano, foi divulgado um vídeo do Estado Islâmico acompanhado de um rap sobre a jihad (guerra santa) e de imagens de soldados americanos mutilados e militantes islâmicos armados. Nas filmagens, os radicais insinuam um ataque contra a cidade de Nova York
Diversos apoiadores do Estado Islâmico ao redor do mundo Afirmaram em fóruns de debate que a voz que canta os versos da música é do alemão
Deso Dogg

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo