Sefaz apreende 67 caminhões com mercadorias irregulares, em Manaus

G1-AM

Veículos foram apreendidos em fiscalização realizada durante 27 dias.
Secretaria da Fazenda recolheu R$ 6.240,40 em impostos e multas.



Só nesta sexta-feira (15), seis caminhões foram apreendidos na Avenida Grande Circular, Zona Leste.  (Foto: Alex Pazuello / Agecom)
Seis caminhões foram apreendidos na Avenida Grande Circular, na Zona Leste (Foto: Alex Pazuello/Agecom
                  
Uma fiscalização, realizada em Manaus entre 18 de janeiro e esta sexta-feira (15), apreendeu 67 caminhões com cargas irregulares avaliadas em mais de R$ 555 mil. A operação foi feita pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-AM) em pontos estratégicos da capital. Durante a vistoria, a falta de nota fiscal foi a irregularidade mais comum encontrada pelos agentes. Até o momento, foram recolhidos R$ 6.240,40 em impostos e multas devidos.
A fiscalização foi montada pela Gerência de Vigilância e Repressão a Mercadorias (GVRM), que colocou duas equipes, compostas de três auditores fiscais para realizar blitze, com ações que começaram às 8 horas e se estenderam ininterruptamente até às 21 horas. Os pontos de concentração das equipes foram escolhidos entre as áreas da capital que apresentam grande fluxo de transporte de carga pesada.
Além da ausência de documento fiscal, a operação flagrou ainda casos de destinatário inexistente ou falso. Muitas notas fiscais eletrônicas apresentavam como destinatárias empresas localizadas em Boa Vista (RR), onde o ICMS é cobrado somente na entrada da carga. Como a mercadoria era vendida no Amazonas, nunca chegando ao Estado vizinho, o imposto acabava sendo sonegado, pois não era pago na fonte como substituição tributária.

As principais mercadorias apreendidas nas últimas operações da Sefaz são materiais de construção, uva, cimento, chapas de aço, areia, ventiladores, sabão, charque, papel higiênico, frango, carne, madeira, farinha, cachaça, refrigerante, sorvetes e gado.

A Sefaz deixa as mercadorias apreendidas retidas no estacionamento da secretaria. Os auditores lavraram auto de apreensão e a carga só poderá ser liberada mediante o pagamento do ICMS e da multa, que corresponde a 100% do valor do imposto.
Saldo positivo
Somente nesta sexta-feira (15), seis caminhões foram apreendidos na Avenida Grande Circular, Zona Leste. Os veículos transportavam concreto, trigo, sucata e óleo combustível, e nenhum possuía documento fiscal de carga. Apesar da quantidade de apreensão ser grande, o número é pequeno em relação aos veículos fiscalizados. Em todo o período da fiscalização, os fiscais abordaram mais de 70 caminhões por dia, com menos de 10% com mercadoria irregular. As operações vão continuar por tempo indeterminado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo