Criança em casa requer cuidado dobrado



Pais devem ficar atentos aos riscos dentro do ambiente doméstico. Nas férias, o número de acidentes aumenta em até 30%
As férias escolares chegaram e os pais devem redobrar os cuidados com os filhos, também dentro de casa. O ambiente campeão em número de acidentes é a cozinha. A atenção deve ser maior com panelas no fogão, objetos cortantes, equipamentos elétricos e botijão de gás. De acordo com a subcomandante do Centro de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) do Distrito Federal, major Vanessa Signale, o número de ocorrências cresce expressivamente neste período. "O aumento de acidentes chega a 30% e as principais vítimas são as crianças", informa.

Remédios, detergentes, venenos para roedores, pesticidas e produtos de limpeza devem ser guardados tampados e em locais fechados. Outra orientação é não utilizar garrafas PET para colocar detergente. "Normalmente, esses produtos têm cores chamativas, o que pode estimular a ingestão do líquido pelas crianças", explica a major. Baldes com água devem ser mantidos fora de alcance para evitar risco de afogamento.

"Fico atenta todo o tempo. Os perigos em casa são constantes. Mesmo assim, meus filhos já sofreram com pequenas queimaduras e cortes", conta Jânia Fernandes de Oliveira, mãe de Ana Luiza, 8 anos, e de André Luiz, 11.

O banheiro é outro local que requer atenção. Durante o banho, podem ocorrer muitas quedas. A dica é colocar tapetes antiderrapantes. Além disso, os pais devem orientar seus filhos a não subirem no vaso sanitário. "O responsável também não pode deixar a criança na banheira ou tomando banho sozinha, para não correr risco de afogamento ou acidente", lembra.

Ainda é necessário ter cuidados com a fiação elétrica da casa. É importante verificar se há algum fio desencapado. As tomadas devem ser protegidas.

Para quem mora em apartamento, o ideal é utilizar telas e redes de proteção nas janelas. De acordo com a oficial do Corpo de Bombeiros, em 2012, ocorreram dois acidentes envolvendo crianças em Brasília, elas caíram da janela sem grades do prédio. Nas escadas, os pais devem colocar barreiras para evitar que seus filhos subam ou desçam sozinhos.

Cuidados na viagem – As precauções começam no momento de sair de casa. Crianças com menos de 10 anos devem ser transportadas no banco traseiro dos veículos, e as de até 7 anos devem utilizar a cadeirinha. Os pais não podem deixar os pequenos dentro do carro sozinhos, porque correm o risco de ter insolação ou faltar oxigênio. "Na viagem, também é importante levar protetor solar e água para evitar desidratação", complementa a major.

Em locais com praias, lagos e rios, as crianças devem ser observadas todo o tempo. O uso de boias é fundamental.

Emergência - Em caso de acidente, mantenha a calma e ligue para o telefone 193, do Corpo de Bombeiros. Ao ser atendido, identifique-se, forneça o número de onde está falando e informe endereço com ponto de referência. Explique o que aconteceu e aguarde as orientações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo