Mulheres são maioria entre empreendedores individuais


Janine Brito é exemplo em recente pesquisa do Sebrae que revela
o crescimento do número de mulheres empreendedoras noDF, superando até mesmo a média nacional

O novo cenário econômico, surgido nos últimos anos no Brasil, vem trazendo uma interessante estatística no empreendedorismo brasileiro. De acordo com pesquisa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), revelada no último mês, as mulheres no Distrito Federal são a maioria entre os empreendedores individuais, somando 56%. Na capital, elas superam até mesmo a média nacional, que é de 46% de pequenos empresários do sexo feminino.

O Empreendedor Individual (EI) é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para fazer parte deste quadro, é necessário faturar no máximo até R$ 60 mil por ano, não ter participação em outra empresa como sócio ou titular e ter um empregado contratado que receba o salário-mínimo (R$ 622) ou piso da categoria.

Entre as cidades do DF, Taguatinga é a cidade com maior número de empresas individuais (2.602), seguida de Ceilândia (2.343) e Brasília (1.680), de acordo com Sebrae, que também revela a maioria dos que possuem o novo negócio como a única fonte de renda. O estudo mostra ainda que 51% dos pequenos empresários cursaram ensino médio ou curso técnico e que 43% deles trabalham com carteira assinada.

Uma das mulheres empreendedoras mais conceituadas no ramo empresarial de Brasília é Janine Brito. Acumulando inúmeros exemplos de profissionalismo e empreendimento, Janine, além de vice-presidente do Sindicato do Comércio Atacadista do Distrito Federal, advogada e corretora, é também diretora-executiva de umas das maiores empresas de produtos na área de aço para construção, a Ferragens Pinheiro. O objetivo da empresa é justamente produzir materiais na área de aço, como telas, arames, tubos, chapas, dobradas e lisas, acessórios em geral, além de ampla linha de artigos para serralheria e agropecuária.

Hoje, a Ferragens Pinheiro conta com mais de 2 mil tipos de produtos industrializados e comercializados, fornecendo materiais, inclusive para obras importantes da capital, como a construção do novo Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha e na reforma do Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek. Janine Brito explica: “O empreendedorismo individual é um grande instrumento de política econômica, pois estimular a formalização é inclusivo em todos os seus aspectos, social, produtivo e formal e ainda é grande gerador de emprego e renda”, analisa a empresária.

Localizada em Taguatinga, a Ferragens Pinheiro já ultrapassou mais de cinco décadas de serviço e se tornou referência na qualidade diferenciada de seus materiais para o setor, com a nova gestão e moderna estrutura em sua loja. Em breve, a firma estará inaugurando a sua nova loja no SIA, outro ponto estratégico do empreendimento.

Esses são apenas um dos exemplos da forte gestão e administração de Janine Brito à frente da empresa. Ela já foi agraciada como empresária destaque pela Administração de Taguatinga, imprensa local e entidades de classe.


Sobre a Ferragens Pinheiro - Fundada em 1961 pelo empresário Getúlio Pinheiro de Brito, a Ferragens Pinheiro nasceu com o objetivo de comercializar ferro para a construção civil. A empresa, de base familiar, foi responsável por oferecer grande parte de materiais para a construção de Brasília. Com o passar dos anos, os serviços e materiais oferecidos foram se multiplicando. Atualmente, a empresa trabalha com um mix de mais de 2 mil produtos industrializados e comercializados. Localizada em Taguatinga, oferece, com a nova gestão, moderna estrutura e serviços diferenciados.
Fonte:Proativa Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo