Paraná quer inclusão nas obras federais


Estado vai cobrar participação em pacote anunciado pelo Governo Federal -
Paraná quer inclusão de obras rodoviárias no pacote
Nesta semana, o Governo Federal anunciou a criação do “Programa de Investimentos em Logística”, que prevê investimentos de R$ 133 bilhões em rodovias e ferrovias nos próximos 25 anos no Brasil. A medida, porém, não agradou o governo do estado do Paraná, que possui apenas duas obras ferroviárias no pacote.
“O Paraná aparece no pacote em duas obras ferroviárias, mas ao que tudo indica só está nos projetos por que fica entre São Paulo e o Rio Grande do Sul”, afirma o vice-governador do Paraná, Flávio Arns.
De acordo com Arns, o Paraná vai se mobilizar para cobrar a inclusão de outras obras. “Não fomos ouvidos, não fomos consultados e não fomos contemplados”. Para ele, o estado foi simplesmente desconsiderado pela União, apesar de contar com três ministros paranaenses em Brasília.
O vice-governador argumenta que o Paraná responde por mais de 20% da produção brasileira de grãos e, só por isso, deveria receber a atenção devida por parte do Governo Federal, para que possam ser resolvidos gargalos de logística que comprometem o desenvolvimento estadual.
“Basta de discriminação. Essa situação não tem o menor cabimento. Vamos lutar para mudar isso, até porque o Paraná merece uma contrapartida a altura daquilo que produz em favor do País”, completa Arns.
O governo paranaense sugere que sejam incluídas no “Programa de Investimentos em Logística” obras nas rodovias BR-163, BR-153, BR-487 e BR-101, além de obras ferroviárias nos trechos Guarapuava-Litoral e Cascavel-Guaíra-Maracaju.
fonte:webtranspo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo