Incêndio em subestação da CEB deixa oito quadras de Brasília sem luz


Falta de energia foi das quadras 105 à 108 Norte e da 305 à 308 Norte.
Chamas foram controladas às 9h; perícia vai indicar causa do fogo.

Bombeiros combatem incêndio em gerador de energia da quadra 307 Norte, em Brasília, na manhã desta terça-feira (28) (Foto: Willian de Farias/G1)Bombeiros combatem incêndio em gerador de energia da
quadra 307 Norte, em Brasília, na manhã desta terça-feira
(28) (Foto: Willian de Farias/G1)
Bombeiros combateram, na manhã desta terça-feira (28), princípio de incêndio na subestação de energia que alimenta a quadra 307 Norte, em Brasília.
O Corpo de Bombeiros foi acionado às 8h e o fogo foi controlado por volta das 9h. A Companhia Energética de Brasília (CEB) aguarda perícia para saber o motivo do princípio de incêndio.
A companhia desligou a subestação para que o trabalho de contenção às chamas pudesse ser realizado. A eletricidade teve de ser desligada também para que aparelhos eletrônicos das residências não queimassem devido à oscilação da energia.
O Corpo de Bombeiros afirmaram que somente um dos dois transformadores da subestação foi danificado. Funcionários da CEB alegaram que foram atingidos pelo incêndio o protetor, cabeamento e barramentos do transformador.
Incendio em transformador de energia 307 Norte (Foto: Willian Farias)Transformador de energia danificado na 307 Norte
(Foto: Willian Farias/G1)
De acordo com a CEB, o desligamento ocasionou falta energia entre as quadras 105 e 108 Norte e 305 e 308 Norte. Com exceção da quadra onde fica a subestação, o fornecimento de energia havia sido normalizado por volta das 9h. A companhia diz que não há previsão de restabelecimento da luz na 307 Norte.
Prejuízo
O incêndio deixou a residencial e comercial da 307 Norte sem energia. Segundo a prefeita da quadra, Estela Nunes, 2,3 mil moradores foram atingidos.
Comerciantes da quadra se preocupavam com o prazo para o retorno da eletricidade. Gerente de uma padaria, Mateus Gontijo encomendava um gerador  particular enquanto conversava com a reportagem do G1. "Gastei R$ 7,5 mil só em muçarela esses dias. Não dá para esperar muito tempo ou posso perder os meus produtos."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo