Caixa reduz juros do crédito imobiliário em até 21%

Taxas menores valerão para novos financiamentos, fechados a partir de 4 de maio

portal R7

A Caixa Econômica Federal anunciou na manhã desta quarta-feira (25) a redução dos juros do crédito imobiliário. As taxas de juros para quem compra imóvel vão cair em até 21% e valem para todos os clientes nas condições do SFH (Sistema Financeiro de Habitação). O anúncio foi feito durante o lançamento do 8º Feirão Caixa da Casa Própria, em Brasília.

Nas últimas semanas, a Caixa e o Banco do Brasil reduziram os juros para o crédito ao consumidor e outras linhas de empréstimo. Em seguida, a redução começou a ocorrer também nos bancos privados (veja quadro abaixo).

As novas condições para financiamento habitacional vão valer em todas as agências para contratos celebrados a partir de 4 de maio deste ano, data de abertura do 8º Feirão da Caixa.

Para imóveis de até R$ 500 mil, dentro do SFH, os juros mínimos passam de 10% a. a. para 9% a. a. Para clientes com relacionamento no banco e conta salário, a taxa cai ainda mais e pode chegar a 7,9% a.a.

Em financiamentos de R$ 200 mil, por exemplo, todos os clientes economizarão cerca de R$ 1.800 na prestação do primeiro ano, e um total de mais de R$ 18 mil em um contrato de 20 anos.

Para financiamentos de até R$ 170 mil, nas regras do FGTS e com relacionamento e conta salário na Caixa, a taxa máxima de juros passa de 8,4% a.a. para 7,9% a.a. No caso de clientes cotistas do FGTS, essa taxa cai para 7,4% a.a., inclusive para financiamentos enquadrados no Programa Minha Casa Minha Vida, na faixa de renda acima de R$ 3.100.
Imóveis ainda mais baratos, como um que custe R$ 100 mil, por exemplo, nas regras do FGTS, a economia será de R$ 450 no primeiro ano e aproximadamente R$ 7.000 em 30 anos. 

Fora do FSH 

Financiamentos fora do FSH (valores de imóvel superior a R$ 500 mil) também terão redução na taxa de juros. Os juros anuais terão redução de 11% para 10% para todos os clientes. Com relacionamento e conta salário, o juro cai para 9% ao ano.

Em um imóvel de R$ 600 mil, por exemplo, a economia chega a R$ 54 mil em 20 anos, sendo mais de R$ 5.600 de economia no primeiro ano de financiamento.

A Caixa detém 74% dos financiamentos habitacionais do País, com uma carteira estimada em mais de R$ 153 bilhões. Ao baixar os juros, a Caixa estimula todo o mercado, sobretudo os bancos privados, a reduzir as taxas para não perder negócios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo