Chery quer construir 'cidade industrial' no Brasil para 2013


A montadora estatal chinesa Chery afirma que cumprirá o índice de nacionalização de 65% dos carros que começam a ser produzidos no Brasil a partir de 2013. Só assim, a companhia se livraria do aumento de 30 pontos percentuais do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Para chegar ao número, o presidente da Chery Internacional, Zhou Biren, anunciou, nesta terça-feira (27), a construção de uma "cidade industrial" no país.
Terreno onde é construída a fábrica da Chery (Foto: Priscila Dal Poggetto/G1)Terreno onde é construída a fábrica
da Chery (Foto: Priscila Dal Poggetto/G1)
























O futuro pólo fará parte do terreno em Jacareí (SP) onde já é construída a fábrica da montadora, com capacidade para produzir anualmente 150 mil unidades em três turnos. A planta tem inauguração prevista para dezembro de 2013, mas começará com a produção de 50 mil unidades no ano.
Para que o plano se sustente, a estratégia daChery é atrair fabricantes de autopeças chinesas, além de fornecedores brasileiros e multinacionais, como Delphi e Bosch, que já têm operações no país. O pólo deverá garantir também a redução de custos logísticos.
Como o Brasil já possui uma cadeia completa de fabricantes de autopeças, a entrada de fornecedores chineses só acontecerá se os preços nacionais não forem competitivos, de acordo com a Chery.
"Empresas brasileiras que quiserem investir na área de Jacareí serão muito bem-vindas", ressalta o executivo. Segundo Zhou Biren, joint-ventures entre empresas chinesas e brasileiras serão estimuladas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo