Tire oito dúvidas sobre pedalar em trilhas

Modalidade enfrenta menos carros e estimula contato com a natureza
 por Laura Tavares
.
Esforço físico - Foto Getty Images

Bicicleta de passeio - Foto Getty Images
Os incontáveis acidentes envolvendo ciclistas, a poluição e a escassez de ciclovias têm atraído cada vez mais adeptos a uma modalidade ciclística em meio à natureza, a mountain bike. O estilo ganhou força no Brasil no início da década de 80 e hoje já conta com diversos grupos que realizam passeios, fazem viagens e até ministram cursos na área. Um deles foi consagrado pelo arquiteto Paulo Tarso que, vendo a nova febre que nascia entre os atletas, abandonou a carreira e fundou o Sampa Bikers, em São Paulo. O portal do grupo já conta com cerca de 15 mil cadastrados e recebe novos interessados todos os dias. Por isso, o Minha Vida conversou com dois especialistas no assunto para acabar com as principais dúvidas de quem quer começar a praticar o esporte
2. A modalidade requer mais esforço físico?
"Como você passa por buracos, caminhos sinuosos, subidas e descidas - e tudo na terra - a modalidade exige um bom preparo físico", adverte Paulo Tarso. Tamanha dificuldade pode desestimular muitos aspirantes logo na primeira tentativa, mas o ciclista Lucas Moreira conta que o que define o sucesso no esporte é persistência e o autoconhecimento. "Um iniciante deve reconhecer suas limitações e optar por começar com desafios mais simples, em trilhas com menos relevo", sugere.


Vale lembrar também que, por conta desse maior esforço, a queima de calorias é superior a um passeio de bicicleta no asfalto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
imagem-logo
© Guerreiros do Asfalto DF - 2012 - Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo